O que é a Síndrome do Pensamento Acelerado

por Helena Sachs
Compartilhar isto

Você já sentiu um esgotamento físico e emocional por sempre estar com muitos pensamentos na cabeça? Se a resposta for sim, provavelmente você está inserido na estimativa dos 80% que sofrem da Síndrome do Pensamento Acelerado, segundo os dados do Instituto Augusto Cury.

Essa síndrome, que não deve ser confundida com uma doença, foi conceituada pelo médico, psiquiatra, pesquisador e escritor Augusto Cury. De acordo com ele, o excesso de informação satura o córtex cerebral, produzindo uma mente hiperpensante, agitada, com baixo nível de tolerância, impaciente e sem criatividade.

Tudo isso faz com que o cérebro utilize as energias reservadas para os músculos para conseguir suprir a quantidade excessiva de estímulos, o que ocasiona um cansaço físico. Além disso, o cérebro também bloqueia a memória para poder pensar menos e poupar mais energia, por isso um dos relatos é a presença de pequenos lapsos de memória de forma frequente.

A questão é que não importa se o pensamento é de boa ou má qualidade, o excesso de informações faz com que os sintomas dessa síndrome venham à tona, o que interfere muito na produtividade, na qualidade do sono, na saúde e até mesmo na inteligência emocional.

Uma pessoa com pensamentos acelerados acaba não conseguindo ter foco nas suas atividades diárias, pela falta de concentração, além de sempre estar com a sensação de acordar cansada, mesmo após longas horas de sono.

Com isso, a insatisfação acaba se tornando constante, de mãos dadas com a irritabilidade e o cansaço, o que atrapalha todo gerenciamento da rotina, já que a sensação é de que apesar de se ter muitas coisas para fazer, não é possível concluir nenhuma delas.

O resultado final é uma autocobrança excessiva e insatisfação constante, já que os sintomas dessa síndrome acabam atrapalhando na produtividade, concentração, inovação, geração de resultados e inteligência emocional, competências essas que são essenciais na visão do mercado.

Mas enfim, como superar a Síndrome do Pensamento Acelerado?

Um ótimo caminho para superar essa síndrome é com a mudança de hábitos, por isso trouxemos 15 dicas para você colocar em prática a partir de agora:

  1. Evite longas jornadas de trabalho (Principalmente no home office, é necessário ter disciplina para separar os momentos de trabalho e lazer)
  2. Faça atividades físicas e se alimente bem
  3. Diminua a autocobrança e acredite no seu potencial
  4. Entenda que tudo na vida leva tempo
  5. Esteja presente (não sofra por antecipação, viva os momentos)
  6. Faça atividades lentas e lúdicas
  7. Não fique conectado 24 horas (Separar um horário para ver as redes sociais te permite não ter acesso a um bombardeio de informações o dia todo)
  8. Não deixe de lado momentos de relaxamento e lazer (Eles são de extrema importância para saúde mental)
  9. Faça um jejum de dopamina
  10. Desligue os seus aparelhos eletrônicos 2 horas antes de ir para cama
  11. Faça pausas na sua rotina
  12. Foque em uma coisa por vez
  13. Diminua a lista de tarefas e o ritmo em que você as executa
  14. Coloque limites, saiba dizer não
  15. Evite tomar mais do que 3 xícaras de café por dia

Caso os sintomas persistam, é importante ressaltar que o caminho mais indicado é buscar pelo acompanhamento de profissionais da saúde mental.


(Síndrome do Pensamento Acelerado – Augusto Cury)


(Jejum de Dopamina)

Foto do post: Yasin Yusuf/Unsplash

Cursos online e Mentorias individuais da Rock Ensina

Profissionais e empreendedores de alto desempenho dominam uma série de habilidades que não são ensinadas pelas instituições tradicionais. Nosso objetivo é ensiná-las a você por meio de um método prático, efetivo e conveniente.

Empresa? Desenvolva seus colaboradores com a gente

Nos formatos presencial e online, nossos treinamentos empresariais são diretos ao ponto e têm foco direcionado a resultados que fala a língua dos colaboradores de todas as gerações. Somos papo reto, somos rockers, somos transformação!

Deixe uma resposta

Seja um rocker bem informado!

Assine agora nossa newsletter e junte-se à comunidade mais rocker do Brasil!

Ao assinar eu concordo em receber informações da Rock Ensina e entendo que posso cancelar a inscrição a qualquer momento.